terça-feira, 12 de novembro de 2019

PODER DA MÚSICA



Sem pressa produzo minha música,
Encanto com o ritmo e faço penetrar 
nos corpos a sintonia, o clima ávido,
a confluência do toque no cantarolar.

Os nervos entram em conflito árduo
gradativamente, permaneço assim
sem resistência e canto junto o luar!
Obstruo essa seriedade, ando, mexo-me!

Sinto o calor, sobressaio de mim e vibro,
Desenlaço, jogo todas as cordas fora, 
paro bem longe e me desprendo do chão, 
subestimo leis da física e saio voando.

Quando em meus ouvidos aquela nota

mais pura, linda que ei ouvir, escutar.
Abro minha mente e tento só observar,
A magia, grandeza a florir sem chorar.

Emiliano Véras e Levi Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TEMPO, TEMPO, TEMPO

A despedida " até logo!",  fortalece a paz que voltaremos  a qualquer hora nos encontrar.  A sonda os segundos, os minutos,...