segunda-feira, 28 de outubro de 2019

ENCONTRE-ME



Semblantes de sua alma feliz, 
eterna e venerada 
pela cálida pétala de sua forma. 
Profana o dito de que nada é perfeito. 
Subtrai os antônimos e intensifica os verbos 
belos pelos advérbios, freneticamente 
fazendo de louca a ingenua mente. 
Despertar do amor de indulgente, 
da súplica destemida. 
Paz, onde andares a esmo...
Na busca aflita, só o olhar amado á toa. 
Não me negues nos dias turvos, 
onde meu coração chama por sua paixão. 
Acolha-me e abrace todo meu ser 
e beije-me até outro dia qualquer.

Emiliano Véras e Levi Lopes




Nenhum comentário:

Postar um comentário

TEMPO, TEMPO, TEMPO

A despedida " até logo!",  fortalece a paz que voltaremos  a qualquer hora nos encontrar.  A sonda os segundos, os minutos,...